Autoajuda

O Milagre da Manhã – Hal Elrod

O Milagre da Manhã – Hal Elrod

O que você vai aprender?

Já aviso logo de cara que a primeira parte do livro pode ser um pouco chata e desmotivar alguns mas caso consiga passar dessas primeiras páginas – não são muitas já que o livro tem menos de 200 páginas e os parágrafos são bem curtinhos e escritos em linguagem simples – prometo que vai encontrar um conteúdo mais profundo e que vale a pena ler e levar no bolso. Digo que são chatas porque fazem mais propagando do método proposto por Elrod do que mostram o método em si e remetem várias vezes ao site do autor. Bom, passada essa parte, chegamos ao que realmente interessa: o milagre da manhã prometido pelo autor.

Como disse, à primeira vista, é algo bem óbvio e que você provavelmente já ouviu pelo menos uma vez na vida: acorde mais cedo e seja mais produtivo. Em teoria, todo mundo sabe que se ao invés de acordar às 7, acordar às 6, terá em teoria uma hora “sobrando” no seu dia para poder aplicar à qualquer área que quiser. Na minha opinião essa é a melhor parte de tudo que o autor propõe: essa 1 hora que você perdia dormindo, agora é sua para fazer com ela o que você quiser – só não vale tirar soneca!

Soluções apresentadas pelo livro

Se o assunto tratado não é novo, qual a grande novidade que o autor traz então? Motivação. O livro de Elrod serve como guia, ajuda você a planejar seu dia, o que você irá fazer e quais são objetivos vai buscar. Isso não quer dizer que caso aconteça algum imprevisto você deve seguir cegamente com o que tinha planejado e não deixar espaço para se adaptar as novas situações, negativo. O livro serve como guia, para ajudar, ele não vai lhe dizer o que fazer, mas sim mostrar um caminho diferente. 

O autor faz isso através de seis tópicos que pontua ao longo do livro que você deve tratar antes de começar o seu dia e eles são:

Silêncio: o formato aqui não importa – meditação, oração, reflexão ou devaneio, quem escolhe é você – o importante é ficar em silêncio. 

Afirmações: seja bondoso e gentil consigo mesmo. Nessa parte você falar suas qualidades em voz alta, trabalhando todas aquelas suas inseguranças.

Visualizações: mentalize aquilo que você quer para si mesmo. Pense sobre aquilo que você mais quer fazer na vida – não estou falando naquilo que os outros dizem que você deve fazer, mas que você de fato quer fazer – e se veja fazendo.

Exercício: essa talvez seja a parte mais difícil para a maioria das pessoas, por isso é importante escolher algo que você goste de fazer.

Leitura: leia sempre e leia muito. Revistas, livros, artigos não importa, apenas leia. Dê preferências a assuntos novos, algo que acrescente algo ao seu conhecimento.

Diário: bote a caneta no papel e escreva em um caderno suas metas, objetivos, ideias razões de ser, motivos pelo qual é grato e etc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *